domingo, 20 de abril de 2008

Chuva forte destrói a praia

Rio arrebenta na praia

Mais algumas imagens da praia da Cachoeira do Bom Jesus, após a saída do rio Thomé em direção ao mar, causada pelas fortes chuvas desta madrugada. Sob a ponte do Jd Gizelle a água passa sem problemas após a limpeza do rio, mas fora de seu curso, o rio segue forte para a praia. Lixeira, barraca e barco prestes a ser arrastados. Foto tirada às 7h45min de domingo, 20 abril.

Pescadores começam a retirar barco.


Antonio Barbosa

Enxurrada arrebenta na praia

Oito horas de chuvas

A enxurrada decorrente das chuvas desde a madrugada deste sábado, 19 de abril, arrebentou a frágil contenção criada naturalmente na praia da Cachoeira do Bom Jesus.Um desnível de quase um metro de altura, além da forte correnteza formada, ameaçava levar uma barraca de bebeidas, a lixeira de concreto e se aproximava em contínuas quedas de areia, do barco parado na areia da praia.



A limpeza do rio Thomé realizada pela COMCAP na última semana, permitiu o escoamento da água até a saída das ruas Jd. Gizelle e Boaventura, mas o rio precisa voltar ao seu leito natural, sob pena de a cada chuva a visão de hoje se repetir.

Antonio Barbosa

sábado, 19 de abril de 2008

Reunião na Floram

Proveitosa

Essa palavra define a reunião do Grupo Norte Azul na Floram. Presentes a COMCAP, SUSP, Câmara Municipal e CASAN. Os representantes do Grupo fizeram detalhada exposição ao secretário José Carlos Rauen dos problemas gerados pelas enxurradas e pediram providências. O compromisso obtido nos deixa a todos muito esperançosos. Uma das boas notícias é que há recursos do PAC para o esgoto na Cachoeira do Bom Jesus, assim como projeto pronto. Aguardemos.

Ciclovia

Avançando, pero no mucho

A ciclovia na Av Luiz Boiteaux Piazza esta avançando, mas sofre algumas dificuldades. Pelo que se sabe, certos moradores andam impedindo a construção, porque muros teriam que ser recuados. Se isso é fato realmente, os demais, os ciclistas, ficam a mercê dos só pensam em si? E a cidadania, o bem comum?

Antonio Barbosa

quinta-feira, 3 de abril de 2008

Na TVBV

Mostrando os problemas 2

Bastante concorrida foi a reportagem da TVBV (Programa Cesar Souza) ontem dia 02, na praia da Cachoeira, entre Jd Gizelle e Rua Boaventura.

Diversas pessoas demonstraram insatisfação com o descaso dos órgãos públicos.

Foram expostos a falta de esgoto, destruição, poluição e o assoreamento do Rio Thomé. A pauta dos programas prevê ampla repercussão dos apelos da população, turistas e usuários.

Na televisão

Mostrando os problemas 1


Tivemos a presença da reportagem da TV Câmara (Vereadores de Florianópolis) na segunda-feira, dia 31 de março na praia da Cachoeira. A veiculação, em rede fechada, é muito vista pelos órgãos públicos responsáveis pela solução dos problemas e também pelos administradores da cidade - leia-se Poder Executivo.

Sobe a tarifa da taxa de esgoto

CASAN e o aumento

Começa a ser repassado o reajuste aprovado em 25 de fevereiro, para a taxa de esgoto. O índice é de 7,39%.

Porém, dúvidas sobre a legalidade já começam a ser levantadas e quase certamente a CASAN será questionada na Justiça. O motivo é lei federal, a de nº 11445, emitida no ano passado. Ela determina que quem tem a competência para fazer concessão de aumentos é o município. Por isso, deveriam ter sido criados planos municipais de saneamento e agência reguladoras, responsáveis por autorizar os reajustes pela prestadora de serviço. Antes da lei, os valores eram determinados por decretos do governo do Estado, como feito no caso presente.

Outra importante informação diz respeito ao cálculo da tarifa: consumidores que (teoricamente) dispõem de água e esgoto, terão um aumento total em torno de 18 por cento.

Qualquer pessoa pode procurar o Procon, caso tenha dúvidas e questionar o aumento.

Opinião: No caso da Cachoeira do Bom Jesus, Ponta das Canas e Lagoinha, quem sofrem até hoje a falta de esgoto e o descaso das autoridades, o aumento virá direitinho no boleto, mas o serviço de esgoto e a limpeza dos rios e da praia vai demorar, viu?

Antonio Barbosa


sexta-feira, 28 de março de 2008

Relatório FATMA

Relatório de 28 de março

A Fundação do Meio Ambiente (Fatma) divulgou nesta sexta-feira (28) o 18° relatório de balneabilidade e encerrou a divulgação semanal da temporada. De agora em diante as amostras passam a ser mensais, até o início da próxima temporada de verão. Neste relatório observa-se 50 pontos impróprios dos 182 amostrados no litoral. Já na capital 25 pontos impróprios dos 62 amostrados. Totalizando uma impropriedade de 27,47% no Estado e 40,32% na capital.

Veja aqui o relatório.

Antonio Barbosa

Reunião de trabalho

Com Presidente da Câmara

Representantes de seis entidades que compõem o grupo gestor do Projeto Norte Azul, durante audiência com vereador Ptolomeu Bittencourt Jr., Presidente da Câmara Municipal. Importantes avanços foram conseguidos, para conseguirmos minimizar os efeitos das enxurradas e obter saneamento básico para a região da Cachoeira do Bom Jesus, Ponta das Canas e Lagoinha.

Mais uma visita

Visita da FLORAM e COMCAP à Cachoeira do Bom Jesus

Às 16 horas do dia 26 de Março de 2008 compareceram ao Jardim Gizelle os Senhores Bruno Palha (Diretor de Estudos Ambientais da FLORAM), Cláudio (Diretor de Projetos da Floram) e um representante da Comcap.

Foram apresentados a eles os problemas emergenciais do rio São Thomé e manguezal da Cachoeira/Ponta das Canas. Ciente dos problemas foi solicitado ao Instituto Manguezal um relatório pontuando todos estes problemas de modo que a Floram saiba exatamente em quais os locais que deve agir, os que são de sua competência, e quais órgãos precisam ser acionados.


Luiz Henrique Varela Kilian
Instituto Manguezal

Esgoto na praia, hotel fechado

Ação mais do que correta, perfeita

Do blog de Cacau Menezes, publicado em 27 de março de 2008, no ClicRBS, reproduzimos o texto abaixo:

Quinta-feira, 27 de março de 2008

Esgoto na praia, hotel fechado!

Ontem, final de tarde, o Cris Hotel foi interditado por força de liminar concedida nos autos da Ação Civil Pública 023.08.017926-9, impetrada pelo MPSC (Dr. Rui Arno Richter e Thiago Carriço), em razão do hotel não ter sua rede de esgoto devidamente adequada. São 10 anos de esgoto na praia da Joaquina... Uma vergonha! A ACP foi ajuizada com base nas conclusões tiradas do Procedimento Administrativo 001/2008 instaurado pela Aliança Nativa junto a 28ª Promotoria de Justiça do Meio Ambiente.

Essa é a atitude esperada dos órgãos de fiscalização. A vida de todos fica facilitada e desastres como os causados pelas enxurradas do início do ano certamente são minimizados. A saúde pública agradece.

Antonio Barbosa

quinta-feira, 27 de março de 2008

Reunião Corpo de Bombeiros SC - Resumo

Corpo de Bombeiros
Dia 26 de março, às 15 horas, Ana Ferrari, Lisa Buka e Mariza Lazzaron, representantes do Projeto Norte Azul, reuniram-se com Major Dutra, Sub-Comandante do Corpo de Bombeiros.
Concluiu-se que
  • Pode-se contar com a presença do Corpo de Bombeiros na temporada 2008/2009.
  • As licenças do IPUF, FLORAM, etc. não precisam ser renovadas.
  • A comunidade deve solicitar sempre que necessário medidas corretivas da conduta dos guarda-vidas.
  • Pode(m) ser montado outro(s) posto(s) na Praia da Cachoeira do Bom Jesus.

Reunião Camara de Vereadores - Resumo

Dia 27/3, quinta-feira, às 15 horas,

na Câmara Municipal de Florianópolis, a
s entidades Ação Social Nossa Senhora de Guadalupe, Associação Jardim Gizelle, Associação dos Moradores da Praia da Cachoeira do Bom Jesus, Ilha Azul em Ação, Instituto Manguezal, Projeto Norte Azul e Projeto Vizinhança Solidária, reuniram-se em audiência com o Presidente Ptolomeu Bittencort Junior.
Referente à minimização dos problemas causados pelas enxurradas de janeiro, fevereiro e março, o Vereador Ptolomeu decidiu o que segue:
  1. Discurso em plenário sobre a situação atual do Rio Thomé.
  2. Reportagem da TV Câmara com representantes das entidades comunitárias da Cachoeira do Bom Jesus e responsáveis pela correção dos problemas levantados.
  3. Audiência com responsáveis pelo atendimento das seguintes reivindicações:

a. Reinstalação de poste de iluminação pública da praça de esportes da Praia da Cachoeira do Bom Jesus à frente do Praias Brancas Resort e Jardim Gizelle. b.. Recuperação da contenção das dunas e vegetação nativa. c.. Limpeza de entulhos e desassoreamento do Rio Thomé, desde a Rua Leonel Pereira (Nelito) até a Lagoa Ponta das Canas, pela COMCAP. d) Recuperação da ponte de acesso do Jardim Gizelle à praia. e.. Derrubada de construções irregulares junto ao Rio Thomé.
f.. Implantação URGENTE de uma rede pública de esgoto sanitário na Baía de Canasvieiras.


Visita a Câmara de Vereadores

Minimizar os efeitos das enchentes

Essa é a solicitação dos representantes do Grupo Norte Azul em reunião com o vereador Ptolomeu Bittencourt Jr, hoje, na Câmara Municipal. Respondendo a ofício, o vereador se propôs receber o Grupo, agilizar os ações necessárias e procurar os órgãos responsáveis pela resolução dos problemas sem solução desde as chuvas de 31 de janeiro, 29 de fevereiro e 16 de março.

Corpo de Bombeiros

Reunião de avaliação

O Grupo Norte Azul tem agendada reunião hoje, 27 de março, com Major Dutra, representante do Corpo de Bombeiros. A pauta é avaliar a atuação dos guarda-vidas, o trabalho esperado pela comunidade e o realizado.

Caça a focas

Canadá inicia caça anual

Embora denunciada com regularidade por órgãos de defesa dos animais em todo o mundo, a temporada de caça comercial de focas se inicia nessa sexta-feira, 28, no Canadá.
Estão "autorizadas" as mortes de 275 mil animais, número superior ao de 2007, 270 mil.

O governo anunciou procedimentos para evitar sofrimento aos animais e para garantir que estejam mortos ao serem esfolados.

Greenpeace - http://www.greenpeace.org.br - apóia os esforços do Fundo Internacional para o Bem-Estar Animal e outros grupos que realizam campanha contra a caça comercial de focas.

Limpeza Rio Thomé


Na Rua Leonel Pereira...

...em frente a SERTE, foi feita limpeza e corte do mato. O trabalho foi realizado dia 25, a foto foi batida ontem, continuamos aguardando a continuação dos trabalhos como previsto, até a saída da praia, após o Hotel Praias Brancas. Necessário também fechar a "lagoa" que se formou com água poluída em frente as Ruas Jardim Gizelle e Boa Ventura.

quarta-feira, 26 de março de 2008

Contador de visitas

Pequena alteração

O contador de visitas ao blog foi alterado, passando a ser o Sitemeter. Nosso leitores podem clicar na caixa Sitemeter ao fim da página, sendo direcionados para aquela página, onde serão mostradas as informações de forma mais detalhada. Por uma questão de confiabilidade e qualidade de informações, a alteração foi feita. O contador marcava 526, no momento da alteração. Obrigado pelas suas visitas ao Grupo Norte Azul.

Antonio Barbosa

Lucro da CASAN

CASAN dobra lucro

Empenhada em atingir condições para obter novos financiamentos, a CASAN teve no ano passado lucro líquido de R$ 54,431 milhões, 119,8% mais que no ano anterior, quando o resultado atingiu R$ 24,7 60 milhões.

O faturamento do ano passado alcançou R$ 418,041 milhões, 6,8% superior aos R$ 391,203 milhões de 2006.

Fonte: DC, 25 de março de 2008

terça-feira, 25 de março de 2008

Uma boa notícia

O Rio Thomé está sendo limpo

Do Prof Otávio Ferrari recebemos e transmitimos a boa nova:
"
Ontem, dia 24/3, ao final da manhã, recebi a notícia que uma máquina
estava fazendo limpeza do Rio Thomé.
Em contato com Lindomar Forte, Administrador Distrital da Cachoeira,
explicou-me que a máquina está desassoreando trecho do Rio Thomé em
direção à nascente. Em seguida, fará limpeza do trecho entre a Avenida
Luiz Boiteux Piazza e o mar e, também, a frente do Praias Brancas Resort e
Jardim Gizelle."...

Vamos aguardar que a limpeza atenda às necessidades. De qualquer forma, um pleito está sendo atendido, e parabéns à comunidade e ao Grupo Norte Azul.



domingo, 23 de março de 2008

Feliz aniversário Florianópolis Querida

Hino de Florianópolis

Rancho de Amor à Ilha
Zininho

Um pedacinho de terra
Perdido no mar!...
Num pedacinho de terra,
Belezas sem par!...

Jamais a natureza
Reuniu tanta beleza
Jamais algum poeta
Teve tanto, pra cantar!...
Num pedacinho de terra
Belezas sem par!

Ilha da moça faceira
Da velha rendeira tradicional
Ilha da velha figueira
Onde em tarde fagueira
Vou ler meu jornal

Tua lagoa formosa
Ternura de rosa
Poema ao luar
Cristal onde a lua vaidosa
Sestrosa, dengosa
Vem se espelhar.

Os parabéns são para nós

Hoje, dia 23 de março, a cidade muda de idade e de estação. Chega o outono, e tudo se transforma. As temperaturas baixam, os dias terminam em esplendores de cores, emocionantes de tão lindos. São momentos sublimes esses fins de tarde de outono, a gente deve sair de casa com a câmera, para não perder a chance de registrar momentos tão belos e únicos. Parabéns a todos nós, por morarmos em tão bela cidade, um pedaço de céu. Vamos nos felicitar e merecer morar aqui. Parabéns Florianópolis e parabéns a nós.

Hino de Florianópolis


Para essa cidade que amamos, e à qual damos nosso esforço para manter e melhorar.
Antonio Barbosa

sábado, 22 de março de 2008

Da vida

Se queres, diz

Escrevi ao blog do colunista Cacau Menezes em duas ocasiões, ambas como sempre faço, com identificação. Concordo com muitas de suas colocações e reconheço o poder de seus textos, desde as tiradas, até os que saem do fundo d´alma. Nosso problema, no norte da ilha, seja por vontade ou má vontade, não será resolvido só com esgoto. Demanda bolsões de estacionamento, respeito a deficientes, mais policiamento, respeito a pessoa e mais educação. Educação, se faz de geração em geração. Algumas coisas nos exigem o imediato repúdio, outras merecem o ensino imediato e contínuo dos menores. O momento é propício, os meios, de boa vontade, os temos. Cacau, de boa vontade nos propicia a oportunidade de informá-lo, e ele como jornalista, assume anunciar as novas, boas ou más. Vamos em frente.

Antonio Barbosa

DIA MUNDIAL DA ÁGUA

Cuidar enquanto temos

Hoje é o DIA MUNDIAL DA ÁGUA.

Nosso planeta tem cerca de dois terços só de água. Pela lógica, parece haver água sobrando para a população, não é? Parece um absurdo falar em crise da água?

Os fatos: 97% da água do planeta são água do mar, imprópria para ser bebida ou aproveitada em processos industriais; 1,75% é gelo; 1,24% está em rios subterrâneos, escondidos no interior do planeta. Para o consumo de mais de seis bilhões de pessoas está disponível apenas 0,007% do total de água da Terra.

Some-se a isto o despejo de lixo e esgoto sanitário nos rios, ou ainda as indústrias que jogam água quente nos rios - o que é fatal para os peixes. A pouca água que existe fica ainda mais comprometida. Isto exige a construção de estações de tratamento de esgoto e dessalinização, por exemplo. E exige conscientização para que se evite o desperdício e a poluição, principalmente nas grandes cidades.

Com o objetivo de chamar a atenção para a questão da escassez da água e, conseqüentemente, buscar soluções para o problema, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu em 1992 o Dia Mundial da Água: 22 de março.

Por conta disso, a ONU também elaborou um documento intitulado "Declaração Universal dos Direitos da Água", que trata desse líquido como a seiva do nosso planeta.

Em Florianópolis, principalmente no norte da ilha, diversas entidades se mobilizam pela busca do esgoto e saneamento. O Grupo Norte Azul tem feito inúmeras gestões, órgãos e pessoas têm sido contatados, formal e informalmente para tentar resolver a questão sanitária da região. Pode ser acompanhada neste blog, nas reuniões quinzenais do Grupo - abertas a todos, através do email norteazul@grupos.com.br, em cartazes e notas na imprensa, toda a movimentação. Trata-se do bem comum, do esforço para a melhoria e manutenção do lugar onde vivemos, do mundo, enfim. Pensamos global, e agimos localmente. Participe, seja mais um combatente nesta causa justa.

Antonio Barbosa, com base no site do IBGE


sexta-feira, 21 de março de 2008

Tempo de renovar

Nova oportunidade

A Páscoa com todos os seus significados, independente da pura visão religiosa, é uma oportunidade de rever, reavaliar e, se possível, mudar. Claro que temos essa oportunidade a cada novo amanhecer, mas algumas datas especiais nos trazem sentimentos e desejos de renovação. Então, aproveitemos esse momento e olhemos para dentro de nós, avaliando nossas ações, motivações e acima de tudo, o que estamos fazendo em prol do nosso mundo, da comunidade e dos que convivem conosco. E com isso, partamos para uma nova etapa. Feliz Páscoa.

Antonio Barbosa

O que é corrupção?

Corrupção

vem do latim corruptus, significa quebrado em pedaços. O verbo corromper significa “tornar pútrido”.

A corrupção pode ser definida como utilização do poder ou autoridade para conseguir obter vantagens, e fazer uso do dinheiro público para o seu próprio interesse, de um integrante da família ou amigo.

A corrupção é crime, veja alguns itens que revelam práticas corruptas:

* Favorecer alguém prejudicando outros.

* Aceitar e solicitar recursos financeiros para obter um determinado serviço público, retirada de multas ou em licitações favorecer determinada empresa.

* Desviar verbas públicas, dinheiro destinado para um fim público, e canalizado para as pessoas responsáveis pela obra.

* Até mesmo desviar recursos de um condomínio.

A corrupção é presente (em maior evidência) em países não democráticos e de terceiro mundo, essa prática infelizmente está presente nas três esferas do poder (legislativo, executivo e judiciário). O jogo de interesse dos corruptos atinge o todo, o uso do cargo ou da posição para obter qualquer tipo de vantagem é denominado de tráfico de influência.

Toda sociedade corrupta sacrifica a camada pobre, esses dependem puramente dos serviços públicos, mas fica difícil suprir todas as necessidades sociais (infra-estrutura, saúde, educação, previdência etc.) se os recursos são divididos com a área natural de atendimento público e com os traficantes de influência (os corruptos).

Quando o governo não tem transparência em sua administração é mais provável que haja ou que incentive essa prática, não existe país com corrupção zero, embora os países ricos democráticos tenham menos corrupção, por que sua população é mais esclarecida acerca dos seus direitos sendo assim mais difíceis de enganar.

Atualmente existe uma organização internacional que tem como finalidade desenvolver pesquisas nos países para “medir” o nível de corrupção, e a partir daí é feita uma classificação de acordo com a nota que vai de 0 a 10, alguns dados revelam que o primeiro lugar com nota 9,7, que corresponde à margem de confiança é a Finlândia, o Brasil ocupa 54o com nota 3,9, margem de confiança 37-41%.

Fonte: http://mundoeducacao.uol.com.br/geografia/o-que-corrupcao.htm

Antonio Barbosa

quinta-feira, 20 de março de 2008

Uma Conta Triste

AINDA TEMOS 95,6 MILHÕES DE PESSOAS SEM ACESSO A SANEAMENTO BÁSICO

Um estudo da Associação Brasileira da Infra-Estrutura e Indústrias de Base (Abdib), que cruza dados do IBGE e mostra tem deixado crescer muito a fila de espera dos mais carentes.
Foram analisados, entre 1999 e 2006, quatro serviços básicos: rede de esgoto, abastecimento de água, rede elétrica e telefonia. Há hoje no Brasil uma fila com 95,6 milhões de pessoas sem acesso adequado ao serviço de coleta de esgoto. Destes, 59,2 milhões têm renda familiar doméstica de até três salários mínimos (61,9%). Em 1999, a fila tinha 90,1 milhões de pessoas. Os mais pobres, dentro desse contingente, somavam 45,9 milhões - o equivalente a 51%. Ou seja, a diferença hoje é de dez pontos percentuais de mais pobres sem acesso a redes de esgoto.

Fonte: Informe ACATS (Associação Catarinense de Supermercados) nº 363, 20 mar 2008

Antonio Barbosa

Lula

Visita a Florianópolis

O presidente Luiz Inácio "Lula" da Silva estará na Capital catarinense nesta quinta-feira. Ele irá assinar a ordem de serviço das obras de urbanização do Maciço do Morro da Cruz. O projeto recebeu repasses federais e foi incluído no Programa de Aceleração do Crescimento.

A solenidade está prevista para as 15 horas no Terminal de Integração do Saco dos Limões.

Antonio Barbosa

E de lá pra cá, nada aconteceu

No site da CASAN...

...consta no tópico Notícias a informação transcrita abaixo. Para relembrar: refere-se a visita feita pelos representantes do Grupo Norte Azul - em 12 de novembro de 2007 - e desde então nossos pleitos sobre o sistema de esgoto ficaram unicamente na esperança. No site, em Licitações, concorrências para outras obras e serviços, mas para o trecho Cachoeira, Pontas das Canas e Lagoinha, ABSOLUTAMENTE NADA. Então, a visita foi só para o cafezinho? Não era a nossa intenção. Pretendíamos obter ações concretas.

Do site:

PRESIDENTE RECEBE 7 ASSOCIAÇÕES DE MORADORES.

Durante audiência com 7 representantes de Associações de Moradores de Canasvieiras, da ilha de Santa catarina, o presidente da Casan, Walmor Paulo de Luca sentiu a preocupação sobre os boletins de balneabilidade, realizados pela Fundação de Meio Ambiente apontando situação imprópria para banhos de mar em pontos da Cachoeira do Bom Jesus, Ponta das Canas e Lagoinha, inclusive fora de temporada de verão.

Ciente do problema, Walmor De Luca informou que está pleiteando junto ao PAC, Programa de Aceleramento (sic) do Crescimento, recursos no valor de mais de 23 milhões de reais para investimento no sistema de esgotos do norte da ilha, previsto inicialmente para março de 2.008 com previsão de entrega das obras em 10 meses. Solicitou aos líderes comunitários que organizem movimento de conscientização sobre a abertura de esgotos clandestinos e a circulação de caminhões-fossas ilegais naquela região.

quarta-feira, 19 de março de 2008

Reunião HOJE - Grupo Norte Azul

Participe e opine

Hoje, 19 de março, às 19h30min.
Restaurante Il Caravaggio, Av Luiz Boiteaux Piazza, 3180
Pauta:
-Encaminhamentos da Avalização da Temporada 2008
-Evolução da Campanha O que você tem a ver com a Poluição
-Situação atual da implantação de saneamento básico da Cachoeira, Ponta das Canas e Lagoinha e expansão da ETE Canasvieiras.

Sua presença é fundamental. Traga mais um amigo e ajude a luta pela comunidade.

Reaproveitamento

Vídeo sobre reciclagem

Neste link, pode-se ver a fabricação de ítens como cartão de crédito, réguas e pastas a partir de plástico reciclado.
Antonio Barbosa

Centrosul - Dez Anos

Uma década e 4 milhões de visitantes

Os dez anos do Centrosul trazem a expressiva marca de quase dez vezes a população da cidade - 400 mil pessoas - como número de visitantes. Com isso, nos dez anos, o perfil do visitante de Florianópolis se alterou significativamente. Hoje, 10,52% dos visitantes vêm a negócios e nessa década, mais de mil eventos foram captados para a cidade. Certamente, saindo o novo porto internacional, a perspectiva de negócios aumentará muito, embora no médio prazo. Por falar em porto, para os turistas será uma maravilha, poderem desembarcar com conforto e segurança, o que hoje não acontece... Um absurdo, para uma capital localizada em uma ilha e que tem no turismo uma de suas maiores fontes de receita.

Antonio Barbosa

E o nosso esgoto, está no pacote?

Lula em Florianópolis

No começo da tarde desta quinta-feira, 20, vindo do Paraná, o presidente Lula chega a Florianópolis, capital catarinense, onde assina o compromisso de início de obras do PAC nas áreas de habitação e saneamento.

Antonio Barbosa

terça-feira, 18 de março de 2008

Porto Internacional de SC

Estrutura será instalada em Barreiros, em São José, na Grande Florianópolis

Prefeitura de São José, governo do Estado e empresas privadas assinam nesta terça-feira o termo de cooperação para a construção do Porto Turístico Internacional de Santa Catarina.


De acordo com o idealizador e coordenador do projeto, Ernesto São Thiago, o local definido para instalação da estrutura foi o distrito de Barreiros, em São José, na Grande Florianópolis.

A decisão foi motivada pela proximidade da área escolhida para a construção com a BR-101, o que vai facilitar o acesso por terra à estrutura. A expectativa é que até 27 mil pessoas visitem o porto diariamente.

Veja a notícia completa clicando aqui.

CBN/Diário, 18 mar 2008

Multa pesada

Fazendeiro leva multa de R$ 400 mil

O proprietário de uma fazenda de Porto União, no Planalto Norte, recebeu multa de R$ 400 mil por ter desmatado uma área equivalente a 200 campos de futebol.

O Ibama, que fez operação na área, valendo-se de imagens de satélite, foi quem o multou.

O órgão informou que, para combater o desmatamento em Santa Catarina, um centro de geoprocessamento será construído em Florianópolis. A previsão é que nos próximos meses comece a operar.

Do ClicRBS, 18 mar 2008

Não podemos esquecer que mesmo na ilha acontecem casos semelhantes...

Feriado chegando

Sossego

Para quem mora em Florianópolis, todo cuidado é pouco na hora de verificar as opções para curtir o feriado da Páscoa por aqui mesmo. O conselho vale para todos. Quem estiver pensando em viajar de carro é refém da duplicação da BR-101 para o lado sul e da reforma da ponte de Navegantes para o lado norte. Alternativa de fuga é um roteiro pela BR-282. A turma do avião periga enfrentar filas e congestionamentos em aeroportos, principalmente nos destinos mais procurados.


Quando ficar em casa, às vezes, é a melhor alternativa.

Coluna Cacau Menezes, DC, 18 mar 2008

22 de Março - Dia Mundial da Água

Dia Mundial da Água reforça a agenda do saneamento básico

Denise Caputo

Assessoria de Imprensa ANA -Agência Nacional das Águas

O dia 22 de março é conhecido, internacionalmente, como o Dia Mundial da Água. Este ano, a data tem como tema o saneamento básico. Para abordar o assunto sob o “guarda-chuva” dos recursos hídricos, a Agência Nacional de Águas (ANA), em parceria com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) e a Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano (SRHU), realiza um grande evento em Manaus (AM), no próximo dia 28. O evento tem apoio também da Fundação Roberto Marinho, Petrobras e Itaipu Binacional.

Hoje, pouco mais da metade (54%) dos domicílios brasileiros contam com a coleta de esgotos. As regiões hidrográficas com maiores coberturas – Paraná e Atlântico Sudeste – não alcançam o índice de 70%; no outro extremo, a região do Parnaíba conta com 4% de coleta de esgoto.

Os esgotos domésticos estão na lista dos principais problemas observados em todas as regiões hidrográficas do País, comprometendo a qualidade das águas brasileiras. Esta constatação está no volume 1 do Caderno de Recursos Hídricos da ANA – Panorama da Qualidade das Águas Superficiais do Brasil. Segundo a publicação, os piores Índices de Qualidade de Água (IQA) estão nas regiões abaixo:

- Região Hidrográfica do São Francisco: verifica-se que, além do rio das Velhas, os rios Verde Grande, Verde Pequeno e Gorutuba têm a carga orgânica lançada superior à carga assimilável;

- Região Hidrográfica do Paraná: além do rio Tietê, os rios Piracicaba, Iguaçu e Meia Ponte têm problemas de assimilação de cargas orgânicas.

Histórico da data

O Dia Mundial da Água foi instituído pela Assembléia Geral da Organização das Nações Unidas, em 1993, atendendo às recomendações da Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento – a chamada Eco92. Desde então, todos os países celebram o dia 22 de março e buscam refletir sobre os problemas referentes aos recursos hídricos em suas nações, propondo alternativas e soluções para resolução dos problemas detectados.

Para saber mais, acesse o hotsite http://www.ana.gov.br/aguasdemarco.

sábado, 15 de março de 2008

Você, corrupção e poluição

Os projetos O que você tem a ver com a Poluição? e O que você tem a ver com a Corrupção?

Segundo o Promotor de Justiça Affonso Ghizzo Neto, do Ministério Público de SC, idealizador do projeto O que você tem a ver com a Corrupção?, sobre o combate a essa praga em nosso país, a meta de seu projeto é conseguir a colaboração de todo grupo ou empresa para divulgar a idéia anti-corrupção.

O que você tem a ver com a Corrupção? foi criado para atingir principalmente as crianças e adolescentes, mas acabou sensibilizando as diferentes camadas da população em Santa Catarina, estado onde a campanha nasceu, em 2004.

No dia 16 de março, domingo, será o lançamento nacional do projeto. O lançamento pretende ser o início de um programa de mobilização nacional contra esse crime que atinge as diferentes esferas da sociedade, tanto no âmbito governamental quanto na iniciativa privada.

A solenidade será em
Brasília, no edifício-sede do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, às 16h. Procuradores, promotores, ministros de Estado, presidentes de Tribunais Superiores, magistrados, parlamentares e artistas que estarão presentes no evento usarão a camisa do projeto, ato simbólico de engajamento ao combate a um mal que causa prejuízo de cerca de R$ 1,5 bilhão de reais por ano, segundo levantamento do Instituto Econômico Suíço feito em 2007.

Nossa ação
O que você tem a ver com a Poluição?, movimento criado e encabeçado pelo Grupo Norte Azul, tem o mesmo modelo e já conta desde o início com o apoio do Ministério Público do Estado de Santa Catarina.

Vamos trabalhar muito para merecer essa confiança, como já estamos fazendo, mas o voto de confiança é um incentivo e uma responsabilidade a mais. Estamos fortes desde o princípio, e isso nos qualifica, e não apenas identifica como defensores de uma causa.

Os pontos comuns aos projetos são muitos, desde a impossibilidade de se colocar fiscais sem o risco de submetê-los a ameaças até de morte, passando pela dificuldade da importância econômica de se proibir determinados investimentos, sabidamente danosos ao meio ambiente, mas rentáveis financeiramente. Por exemplo, quando se "conversa" alguém sobre o esgotozinho de casa, uma construçãozinha sobre o rio, a questão é de corrupção ou de poluição?

Mais por vir, inclusive o lançamento oficial de nossa campanha, e desde já vida longa e vitória aos projetos contra a corrupção e contra a poluição.

Enquanto isso, apoiamos o movimento O que você tem a ver com a Corrupção? em seu lançamento nacional.

Antonio Barbosa



Exposição Vida Marinha do Greenpeace

Painéis sobre a vida marinha revelam a importância dos oceanos para o planeta durante a Semana da Água

Osasco (SP), Brasil

Do dia 17 ao dia 23 de março, o Greenpeace leva ao Osasco Plaza Shopping a sua nova exposição fotográfica, com mais de 20 painéis sobre a vida marinha. Além de reforçar a importância da vida nos mares para a sobrevivência na Terra, as imagens mostram alguns dos registros feitos na última expedição à Antartida realizada de outubro de 2007 a fevereiro de 2008.

sexta-feira, 14 de março de 2008

Ciclovia

Agora vai, se deixarem...

A ciclovia na Av Luiz Boiteaux Piazza parece que vai. Embora sendo feita em retalhos, uma parte aqui e outra ali, vê-se o trabalho ser executado, e isso é muito bom. Mas aparecem algumas dificuldades, como a necessidade de autorizações a mais, para se construir em alguns trechos onde há muros de particulares e construções desalinhadas. Vamos acompanhar e tentar auxiliar como pudermos. Pensemos no bem maior, a segurança da população no trajeto diário, a pé ou de bike.

Antonio Barbosa

Limpeza do Rio Thomé

Para lembrar: promessa não cumprida

Conforme acompanhamento de ações relatadas em tópico anterior, lembramos:

Dia 05/3, Bruno Palha, Diretor de Estudos Ambientais (FLORAM) e representantes do Projeto Norte Azul visitaram o Rio Thomé da nascente a foz. Diretor Bruno prometeu ações imediatas de limpeza em conjunto com a COMCAP.

Ontem, 14/3, representante do Grupo Norte Azul esteve na PMF pessoalmente, e recebeu apenas evasivas. Parece que teremos que ir à imprensa para motivar esse pessoal "esquecidinho".

quarta-feira, 12 de março de 2008

Reunião Grupo Norte Azul

Participe e opine

19 de março, às 19h30min.
Restaurante Il Caravaggio, Av Luiz Boiteaux Piazza, 3180
Pauta:
-Encaminhamentos da Avalização da Temporada 2008
-Evolução da Campanha O que você tem a ver com a Poluição
-Situação atual da implantação de saneamento básico da Cachoeira, Ponta das Canas e Lagoinha e expansão da ETE Canasvieiras.

Sua presença é fundamental. Traga mais um amigo e ajude a luta pela comunidade.

terça-feira, 11 de março de 2008

Evento Cidades Costeiras Sustentáveis

Florianópolis será sede

Evento em Florianópolis, na Fiesc - auditório, de 18 a 20 de março abordará falta de saneamento básico, pesca e maricultura e turismo sustentável.

A criação da Reserva da Biosfera Urbana na Ilha de Florianópolis, construções responsáveis e o Programa Bandeira Azul, serão assuntos abordados no encontro. O Plano Diretor Participativo da capital também será discutido por representantes do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF). Uma iniciativa da Agência Costeira, Instituto Ambiental Ratones e outros importantes parceiros, IPUF, Sinduscon e participação da Prefeitura de Municipal de Florianópolis. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.iarbrasil.org.br, até o dia 15 de março.

Antonio Barbosa

Acompanhamento 2

Esgoto na Cachoeira do Bom Jesus

Lista de encaminhamentos em relação a Implantação da Rede de Esgoto. Vamos acompanhar de perto.

O acompanhamento é feito como segue:

Data da Solicitação
Pleito
Entidade acionada
Contato
Situação atual


12/11/2007
Cronograma de implantação de esgoto
CASAN
Walmor Paulo de Luca

29/11/2007
Inclusão Convênio de Cooperação para Gestão Associada
Deputado Reanto Hinnig
Adenor Piovesan
Idelvino Furlaneto

30/11/2007
Fiscalização da ETE Canasvieiras
CREA-SC
Raul Zucato
Realizada

06/01/2008
Denúncia sobre esgoto no Rio Thomé
Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão
Ela Wiecko Volkmer de Castilho
pfdc001@pgr.mpf.gov.br
mailto:noratorres@pgr.mpf.gov.br

18/02/2008
Relatório Técnico do CREA-SC e ABES-SC
Promotoria do Meio Ambiente
Luiz Eduardo de Oliveira Souto

03/03/2008
Cronograma de implantação de esgoto
CASAN
Walmor Paulo de Luca

O grupo gestor do Projeto Norte Azul, sob a coordenação do Prof Otávio Ferrari Filho, continua atento e vigilante, nessas e outras questões relevantes da comunidade. Participe das reuniões, contribua com suas opiniões e sugestões.

Acompanhamento 1

Acompanhamento da solicitações referentes aos transtornos causados pelas enxurradas do verão 2008.

Para que possamos seguir o resultado dos pedidos e encaminhamentos feitos aos órgãos públicos, segue listagem dos pleitos e informações. Lembremos que este é um ano de eleições, ótimo para lembrarmos de atos feitos ou não, em prol da comunidade.

Os pleitos seguem a ordem de data de solicitação, número (quando houver), entidade acionada, contato e situação atual.

13/02/2008
Minimização dos estragos
Secretaria Municipal de Defesa do Cidadão
Ildo Raimundo da Rosa A/C Bianca

22/02/2008
Minimização dos estragos
Procuradoria da República
Carlos Augusto de Amorim Dutra

24/02/2008
Minimização dos estragos
Prefeitura Municipal de Florianópolis
Dário Elias Berger

26/02/2008
Limpeza de galerias pluviais
Pró-Cidadão Canasvieiras
Processo 9314 - 2008

01/03/2008
Recuperação de poste em queda
Setor de Iluminação Pública PMF
Protocolo 8030100004 junto ao 08006456405 - Juliane
Situação OK

07/03/2008
Minimização de estragos
Floram
José Carlos Rauen A/C Bruno Palha

07/03/2008
Recuperação da iluminação pública
Setor de Iluminação Pública PMF
Pró-Cidadão Canasvieiras
Processo 11751 - 2008

segunda-feira, 10 de março de 2008

Dicas de viver melhor no mundo

Ajudando o planeta

1 Compense a emissão de CO2 de suas viagens aéreas
O cálculo da proporção de um único assento na emissão de gases de um vôo pode ser feito por diversas companhias e sua neutralização vem com a compra de créditos de carbono, que são investidos em medidas compensatórias, como plantar árvores.
2 Informe
Se vir qualquer indício de poluição, seja lixo no parque até espuma na superfície dos rios, informe as autoridades locais e o Ibama. Mesmo que alguém já tenha notificado o problema, é melhor pecar por excesso do que por omissão.
3 Gramados luxuriantes
Grama alta retém mais umidade. Por isso, durante o verão, deixe o gramado crescer pelo menos quatro centímetros. Isso evita trechos ressecados e diminui a necessidade de rega.
4 Compre madeira reflorestada
Os móveis não precisam ser de madeira de lei, podem ser fabricados com espécies que crescem mais depressa, como o pinho e o eucalipto, e que portanto podem ser reflorestadas.
5 Água multiuso
Aproveite a água usada na limpeza matinal do filtro para regar as plantas dos vasos de casa.
6 Deixe a barba no fim de semana
Economize água, espuma e bálsamo deixando de se barbear no fim de semana. Se a sua parceira reclamar, lembre a ela que está em jogo uma causa maior.
7 Não espezinhe a natureza
Prefira tapetes de fibras naturais - como o sisal, o coco e a juta - aos de fibras sintéticas.
8 Proteja as aves exóticas
Papagaios, araras e outras aves vivem melhor em seu ambiente natural do que em gaiolas. Se você não comprar esses animais, estará ajudando a sufocar seu tráfico.
9 Viva o bicarbonato de sódio
Esqueça os produtos de limpeza modernos: além de caros, eles evitam o contato com alguns germes que mantêm nosso sistema de defesa funcionando. Use bicarbonato de sódio, que é muito barato. Ele é bom para limpar tudo e tem ação fungicida.
10 Acorde com o aroma do café
Fuja dos desodorizadores de ambiente e faça sachês com ingredientes naturais, como pão fresco e grãos de café.

Do livro 1001 Maneiras de Salvar o Planeta
Autora: Joanna Yarrow

Antonio Barbosa

Pouco fiscal e outros interesses

Fiscal do Ibama cuida de área igual a 3 cidades de São Paulo

A partir de texto publicado na
Folha Online 10/03/2008 - 08h27
THIAGO REIS JOÃO CARLOS MAGALHÃES da Agência Folha

Apesar de o governo Lula ter eleito o combate ao desmatamento como uma de suas prioridades, o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), órgão responsável pela fiscalização no país, tem hoje apenas um fiscal para cada 4.502 km².
Isso significa dizer que cada um desses servidores tem a obrigação de cuidar, em média, de uma área equivalente a três cidades de São Paulo.
Quatro Estados que compõem a região amazônica estão entre os cinco mais críticos nessa proporção.
No Amazonas, são 79 fiscais. Na média, são 19.883 km² para cada um. No Pará, há 8.050 km² para cada um dos 155 fiscais.

Na matéria são citados ainda:
Maria Tereza Pádua, ex-presidente do Ibama e membro da União Mundial para a Conservação da Natureza.
Segundo ela, o enfraquecimento do órgão é claro e tem um objetivo: "Não atrapalhar o crescimento econômico".
e Raul do Valle, do ISA (Instituto Socioambiental), que concorda com Maria Tereza: "A questão ambiental ainda é vista como obstáculo, entrave."

Leia a matéria completa aqui.

Antonio Barbosa

domingo, 9 de março de 2008

Um trabalho incansável e relevante

ASONSEG - Conheça e participe

A Ação Social Nossa Senhora de Guadalupe – ASONSEG é uma associação civil, sem fins lucrativos, de caráter beneficente e de assistência social e filantrópica. Fundada em 14 de setembro de 2004, tem sede na Rua Madre Maria Villac, 1700, Canasvieiras. Quarenta e oito pessoas das comunidades de Ponta das Canas, Balneário de Canasvieiras, Canto do Lamin, Canasvieiras, Jurerê, Jurerê Internacional, Praia do Forte, Daniela, Ratones, Canto do Moreira, Vargem Pequena, Vargem Grande assinaram a ata de fundação.

A atual Coordenadora-Presidente é a Sra Claudia Ferrari, que juntamente com sua diretoria e apoiadores, associados e membros da comunidade, realiza um trabalho incansável, fornecendo apoio, cursos de informática, promovendo parcerias e convênios com entidades, tudo em benefício dos carentes e de forma altruísta.
Recente parceria com o Banco do Brasil trouxe mais de uma tonelada de alimentos a ASONSEG, durante a etapa Florianópolis do Circuito BB de Vôlei de Praia, distribuídos a comunidades carentes atendidas pela ação social.

A EIC - Escola de Informática e Cidadania - Canasvieiras, que começou com a ASONSEG e o CDI, teve 69 inscrições, já encerradas, para a próxima turma. As aulas se iniciam em 17 de março, com entrega de certificados prevista para 05 de julho.

As pessoas interessadas em se integrar e participar desse importante movimento comunitário podem encaminhar e-mail para asonseg@grupos.com.br. Os associados reúnem-se mensalmente na terceira terça-feira do mês.

Antonio Barbosa

Convênio para Educação Ambiental

Prefeitura e Carijós Pró-Conservação da Natureza se unem em cursos

Convênio beneficia município na área ambiental
(do site da PMF)

A Secretaria Municipal de Educação de Florianópolis assinou nesta sexta-feira (07/03) convênio de cooperação com o Carijós Pró-Conservação da Natureza para que alunos da rede de ensino participem oficialmente de vários ações do Instituto. O termo de compromisso foi assinado pelo Secretário da Educação Rodolfo Joaquim Pinto da Luz e pela Presidente da ONG Débora Rosana Marques Lehmann.
Pela parceria os dois setores vão promover cursos de formação continuada no campo da educação ambiental, bem como, incentivar e possibilitar a participação dos educadores envolvidos com a execução dos projetos e atividades didático-pedagógicas. Outro ponto do acordo prevê a realização de programas e políticas ambientais e de campanhas educativas de proteção, recuperação e melhoria da qualidade do meio ambiente na Ilha de Santa Catarina. O convênio contempla ainda o compromisso dos órgãos fazerem intercâmbio com entidades públicas e privadas, relacionadas à pesquisa e atividades no âmbito ambiental, buscando subsídios no desenvolvimento das ações, planejamento e estudos relativos ao cuidado com o meio ambiente.
Desde o ano passado, a equipe do Carijós vêm trabalhando projetos de educação e percepção ambiental com escolas ligadas à prefeitura. Um dos destaques é o programa Olho Mágico, que tem por objetivo sensibilizar a comunidade e alunos inseridos na área de influência da Estação Ecológica de Carijós, no Norte da Ilha, sobre a importância do meio ambiente e a conservação da natureza, aliada ao desenvolvimento ecologicamente sustentável do ecossistema formado pelo manguezal. (segue...)

Leia a notícia na íntegra clicando aqui

Biblioteca Sapiens Parque

Biblioteca/Telecentro Sesi em fase de construção no Sapiens

Uma biblioteca/telecentro para os moradores da região, que terão acesso a cursos de aperfeiçoamento e serviços públicos via internet, será construída pelo Sapiens Parque, em parceria com o Sesi. A previsão de entrega é maio próximo.

A área total da edificação terá cerca de 100m² com cinco espaços distintos: pesquisa online e telecentro com nove computadores em uma área com cadeiras e mesas individuais; uma gibiteca, com puffs e estantes; uma área de pesquisa e leitura com cinco mesas e várias estantes; uma recepção/guarda-volumes e controle de acervo e sanitários (masculino e feminino/portadores de necessidades especiais).
O acervo da biblioteca: 1,3 mil exemplares impressos e 10 mil títulos em mídia eletrônica, 100 títulos em DVD e CD, 100 títulos na gibiteca, um jornal local e três periódicos.

Fonte: http://www.sapiensparque.com.br

sexta-feira, 7 de março de 2008

Finalmente


Fim da saga do poste


Do Professor Otávio Ferrari Filho, morador do Jardim Gizelle e coordenador do Grupo Norte Azul, recebemos a seguinte informação, de ação de hoje, 07 de março:


Comunicamos iniciativa para retirada de poste em queda, o qual estava escorado com corda por iniciativa de moradores do Jardim Gizelle. A situação tinha sido registrada sob protocolo 8030100004 junto ao 08006456405 - Setor de Iluminação Pública da PMF, contato Juliane.
O poste não será substituído. Os fios existentes serão instalados na posteação remanescente. Otávio Ferrari Filho

Avaliação da Temporada

Avaliação da temporada pelo Grupo Norte Azul

A transcrição abaixo faz parte da ata de reunião do Grupo Norte Azul, de 05 de março de 2008. Participe das reuniões. Todos juntos somos mais fortes!

AVALIAÇÃO DA TEMPORADA DE VERÃO 2007/2008
Fatos
1. Entender que os Programas de Educação Ambiental em parceria com Sapiens Parque promoverão amadurecimento da comunidade no médio e longo prazo.
2. O Projeto Golfinho, idealizado pelo Corpo de Bombeiros, não teve o público esperado.
3. De dezembro de 2007 a fevereiro de 2008, foram realizados 13 Boletins de Balneabilidade pela Fundação de Meio Ambiente – FATMA. Apontaram, na maioria dos casos, situação imprópria para banho no ponto 56 - Cachoeira do Bom Jesus – frente ao trevo de acesso a Ingleses e no ponto 67 - Ponta das Canas – Altura do no. 5.281 da Av. Luiz Boiteux Piazza e situação própria para banho no ponto 70 - Ponta das Canas, à direita da Rua Alcina Jannis (Saída da Lagoa).
4. A limpeza da praia a cargo da COMCAP atendeu a expectativa. Reivindicações de melhoria foram atendidas.
5. O número de cães na praia foi inferior ao da temporada 2007/2008.
6. A comunidade contribuiu para construção e suprimento de refeições do Posto Guarda Vidas. Porém, os guarda-vidas passaram a maior parte do tempo no Posto e atuaram passivamente. Não conseguiram mudanças significativas na prática de esportes, na presença de cães na praia, no uso de raias, na grande quantidade de embarcações na praia.
7. Barracas autorizadas pela SUSP na Praia da Cachoeira foram superiores à de demanda de usuários da praia. Houve concentração de barracas em um trecho de 200 metros da praia. As enxurradas de 31 de janeiro e 1 de fevereiro exigiram o deslocamento de uma barraca para a "prainha", onde não havia nenhuma em um trecho de cerca de um quilômetro de praia.
8. Não houve melhoria no disciplinamento de ambulantes em relação à temporada anterior.
9. Dois barcos de pesca permaneceram na areia da praia durante toda temporada: Don Bion à frente da Rua da Amizade e Vô Dick à Rua Pedro Bernardino.
10. Ciclovia e via para pedestre em implantação.
11. As enxurradas, primeiramente, de 31 de janeiro e 1 de fevereiro e, depois, de 29 de fevereiro provocaram ligação direta do Rio Thomé com o mar em frente ao Jardim Gizelle. Frente a estas emergências, constata-se que não há um Plano B.
12. Os pleitos da comunidade contidos em Abaixo Assinado com cerca de 2.400 assinaturas, diversas correspondências e telefonemas não tiveram resultado prático, ainda.
13. Dia 01/3, moradores tomaram a iniciativa de amarrar um poste de iluminação pública a uma árvore para evitar a sua queda sobre transeuntes desavisados. A situação foi registrada sob protocolo 8030100004 junto ao 08006456405 - Setor de Iluminação Pública da PMF referente a um poste, que agora está dentro do Rio Thomé, e que está em queda. Contato Juliane.
14. Dia 05/3, Técnicos do Setor de Iluminação Pública da PMF, os dois de nome Luiz Carlos, vistoriaram poste de iluminação pública em queda no acesso do Jardim Gizelle para o mar. O laudo será submetido ao Gestor Luciano Dia 05/3, Bruno Palha, Diretor de Estudos Ambientais e representantes do Projeto Norte Azul visitaram o Rio Thomé da nascente a foz. Diretor Bruno prometeu ações imediatas de limpeza em conjunto com a COMCAP.

Ata de reunião 05 de março de 2008

Ata de reunião do Grupo Norte Azul

Ata da 22ª. Reunião
Data 05/03/2008
Horário: 19,30 às 21 horas
Local: Praias Brancas Resort

Presentes: Ana, Carlos Felipe, Marisa, Otávio – Jardim Gizelle, Antonio Barbosa – Ilha Azul em Ação, Alessandro, Neusa, Roque Rohden – Praias Brancas, Ricardo – Morro do Bom Jesus, Luiz – Instituto Manguezal, Carlos Laner – Praia da Cachoeira, Simone Dutra, Carlos Neves e Gustavo Miroski – Gabinete do Deputado César Junior.

Encaminhamentos
1. Aprovar Avaliação da Temporada de Verão 2007/2008, anexa.
2. Dar prosseguimento à Campanha "O que você tem a ver com a poluição?", que contará com logotipo de campanha em andamento do Ministério Público.
3. Cobrar resposta da correspondência à CASAN, solicitando esclarecimentos sobre a situação atual da implantação do Sistema de Esgoto Sanitário de Cachoeira, Ponta das Canas e Lagoinha e Expansão da ETE de Canasvieiras.
4. Solicitar andamento do Relatório Técnico elaborado pelo CREA-SC e ABES-SC, encaminhado à Promotoria do Meio Ambiente, aos cuidados do promotor Luiz Eduardo de Oliveira Souto.
5. Cobrar andamento do protocolo 8030100004 junto ao 08006456405 - Setor de Iluminação Pública da PMF referente a um poste, que agora está dentro do Rio Thomé, e que está em queda. Contatos Juliane, Luiz Carlos.

Próxima reunião
Data 19/03/2008
Horário: 19,30 horas
Local: Praias Brancas Resort
Agenda
· Encaminhamentos da Avaliação da Temporada de Verão 2007/2008
· Evolução da Campanha O que você tem a ver com a poluição?
· Situação atual da implantação de saneamento básico da Cachoeira, Ponta das Canas e Lagoinha e expansão da ETE Canasvieiras.

quinta-feira, 6 de março de 2008

Vazamento de óleo no Norte

Do DC, 06 de março de 2008
Ambiente
Justiça Federal interdita praias

Decisão atinge São Francisco do Sul e Itapoá

Ninguém poderá tomar banho de mar, surfar ou mergulhar nas praias e balneários de São Francisco do Sul e Itapoá, no Norte, a partir de hoje. A Justiça Federal interditou ontem à tarde todas as praias que foram atingidas pelo óleo que vazou da barcaça tombada na entrada do porto de São Francisco do Sul em 30 de janeiro deste ano. Sem receber dados concretos do volume de óleo que vazou da barcaça, nem qual os prejuízos do acidente, a Justiça Federal acatou pedido dos ministérios públicos Federal e Estadual até que um laudo comprove a balneabilidade das praias. Este laudo deve ficar pronto em 30 dias. A decisão do juiz Roberto Fernandes Júnior, de Joinville, é dura com os órgãos ambientais (Fatma e Ibama), os municípios (São Francisco do Sul e Itapoá) e com a empresa Norsul, proprietária da embarcação. O magistrado diz que os órgãos ambientais e os municípios não realizaram análise da água das praias que foram atingidas pelo óleo da barcaça. Empresa terá de colocar placas - Até hoje os órgãos ambientais estiveram nas praias e apenas observaram, e ainda que sem notícia de sequer uma coleta e análise realizada, o relatório conclui por não haver impedimento à recreação - diz o magistrado em sua decisão.

Texto completo aqui.

Pergunta: E quanto à saída das ruas Jardim Gizelle e Boaventura, na Cachoeira do Bom Jesus? Também não foi feita nenhuma medição nesse local, onde agora desemboca diretamente o Rio Thomé e a saída da Lagoinha. As pessoas também correm riscos de doenças de pele e outros males causados pela poluição trazida, já que não há nenhuma placa informativa a respeito. Os critérios não deveriam ser os mesmos, caso algum órgão se importasse com a população local?

Antonio Barbosa

terça-feira, 4 de março de 2008

Reunião Grupo Norte Azul

Participe!!!!! Todos juntos somos mais fortes!
Reunião quinzenal aberta ao público
Data 05/03/2008
Horário: 19h30min
Local: Praias Brancas Resort
Av Luiz Boiteaux Piazza, 3771
Agenda
· Avaliação da temporada 2007/2008
· Evolução da Campanha O que você tem a ver com a poluição?
· Implantação de saneamento básico no Norte da Ilha
. Relatório de açoes

segunda-feira, 3 de março de 2008

Coleta de lixo volta a ser alternada

COMCAP volta ao modelo normal

Publicado em 29/02/2008 - Site da Prefeitura Municipal de Florianópolis

Coleta volta a ser alternada nas praias
A Companhia Melhoramentos da Capital (Comcap) informa que na próxima terça-feira (4 de março) conclui a Operação Verão e a coleta de resíduos sólidos volta a ser feita de forma alternada, três vezes por semana. Nos balneários do Norte e Leste da Ilha de Santa Catarina, desde dezembro, a coleta estava sendo feita diariamente.
Na segunda-feira, será o último dia de trabalho para 39 garis e cinco motoristas admitidos em caráter temporário. Ao longo desta temporada, a Comcap chegou a operar com 70 garis além do efetivo normal do Departamento de Coleta de Resíduos Sólidos que é de 170 garis e 61 motoristas. (continua)

Leia a notícia completa e a tabela de dias e horários de coleta, clicando aqui.

domingo, 2 de março de 2008

Relatório FATMA de 29 fev 2008

Está pior

O Relatório nº 14 da FATMA publicado no final de semana, mostra que o número de pontos impróprios subiu, em comparação com o relatório anterior. São 62 pontos agora, e na última amostragem, foram 51. Na capital, 45,16% dos pontos estão impróprios para banho, ou seja, quase a metade dos pontos pesquisados não deveria estar sendo usada. Avalie a nossa região.

Clique aqui e veja o relatório completo.

sábado, 1 de março de 2008

A pergunta que não quer calar

Dois lugares, duas medidas
Dia 20 de fevereiro foi postado neste blog notícia sobre a limpeza do Rio Sertão, no Itacorubi. Os problemas lá, como aqui na Cachoeira, foram causados não pelas chuvas, mas por fatores cumulativos durante anos. As chuvas desencadearam a exposição dos resultados da ação desses

fatores.
O início da matéria publicada no DC de 20 de fevereiro, que pode ser lido por completo em tópico mais abaixo, é como segue. Cabe uma colocação. Se esse mesmo texto e ações podem se aplicar à Cachoeira do Bom Jesus e ao Rio Thomé, por quê nada foi feito nesse tempo todo?


Do DC
"Limpeza
A Companhia de Melhoramentos da Capital (Comcap) e a Fundação Municipal do Meio Ambiente (Floram) iniciaram ontem a limpeza dos córregos que deságuam no Rio Sertão, que desemboca no manguezal da Bacia do Itacorubi. Trabalho de extrema valia para a população de Florianópolis, mormente a residente nos bairros situados na região, uma vez que o excesso de entulhos e detritos jogados nesses cursos dágua foi uma das causas para tornar caótica a situação decorrente das fortes chuvas que caíram sobre a Capital no início do mês."... (leia texto completo abaixo)

Será que lá foi resolvido por causa do shopping, ou por estarem mais visíveis à população? Talvez mais pressão?

Antonio Barbosa

Praia da Cachoeira desfigurada II - O Retorno


Depois da chuva...


Seria bom título para um filme trash, se não fosse a triste realidade. Hoje mais uma vez o Rio Thomé mudou a trajetória de seu curso e saiu direto na praia da Cachoeira, repetindo o acontecido após as chuvas de 31 de janeiro. Como era de se esperar, passado exatamente um mês, a natureza fez o seu papel, já que as autoridades não o fazem. Nesse tempo, infindável quantidade de ofícios, solicitações e documentos foram enviados a todos, repito, a TODOS os órgãos públicos direta ou indiretamente envolvidos no tema. Políticos foram contatados, a comunidade se mobilizou, um abaixo assinado com aproximados 2500 assinaturas foi feito em tempo recorde, e entregue a entidades e autoridades. Nada foi conseguido. Mãe Natureza, não perdendo tempo continua trabalhando, desfazendo o mal feito, se defendendo dos entulhos, do lixo, do assoreamento, e castigando a população. Se você não estiver a par dos movimentos feitos nesses ultimos trinta dias, veja nas noticias abaixo os relatos.
Antonio Barbosa

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Alimentos doados

1.160 kg de alimentos foram doados pelo público que assistiu ao Circuito Banco do Brasil de Vôlei de Praia em Canasvieiras, na Praça Guadalupe. Os alimentos foram distribuídos para as comunidades assistidas pela ASONSEG - Ação Social Nª Sª de Guadalupe, entidade presidida pela incansável senhora Claudia Ferrari.

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Vôlei de Praia


Foi realizada nos dias 21 a 24 de fevereiro, a etapa Florianópolis do Circuito Banco do Brasil de Vôlei de Praia. O evento se deu em Canasvieiras na Madre Maria Villac 1700, onde será instalada a Praça Guadalupe. Esse espaço, conquistado após anos de trabalho, será de uso da comunidade local, servindo como área interativa de lazer e bem estar, prática esportiva e de reunião da comunidade. Parceria entre a Fundação Municipal de Esportes e a ASONSEG viabilizará a manutenção e uso do local. Prevê-se escolinhas de vôlei, prática para terceira idade, implantação de circuito de caminhada e corrida, arborização e novos equipamentos para uso comum. Importantíssima a participação de todos os moradores dos bairros próximos na utilização da área, pois é a única entre Jurerê e Ingleses em que se poderá praticar esportes e lazer, em local bem localizado e com infra-estrutura adequada. Vários outros eventos estão definidos para o local no decorrer de todo o ano. Está sendo montada grade de horários de treinos, jogos e demais atividades por profissional contratado pela Prefeitura para coordenar as atividades.
Antonio Barbosa

Relatório CREA-SC

Comunicação do Prof Otavio Ferrari, coordenador do Grupo NorteAzul:

Prezados Amigos

Comunico recebimento de ofício do Presidente do CREA-SC, encaminhando cópia de Relatório Técnico de 28/01/2008 efetuado no Distrito de Cachoeira do Bom Jesus, para nossa análise e providências que julgarmos cabíveis.
Comunica, ainda, que cópia do Relatório foi encaminhada à Promotoria do Meio Ambiente, aos cuidados do promotor Luiz Eduardo de Oliveira Souto, nesta Capital.

O assunto acima consta da agenda da reunião de 05/03/2008:
Data 05/03/2008
Horário: 19,30 horas
Local: Praias Brancas Resort
Agenda
· Avaliação da temporada 2007/2008
· Evolução da Campanha O que você tem a ver com a poluição?
· Implantação de saneamento básico no Norte da Ilha
. RelatórioTécnico efetuado na Cachoeira do Bom Jesus pelo CREA-SC e ABES-SC

Antonio Barbosa

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Limpeza de Rio

20 de fevereiro de 2008 N° 7983
COLUNA Visor - DC
Limpeza
A Companhia de Melhoramentos da Capital (Comcap) e a Fundação Municipal do Meio Ambiente (Floram) iniciaram ontem a limpeza dos córregos que deságuam no Rio Sertão, que desemboca no manguezal da Bacia do Itacorubi. Trabalho de extrema valia para a população de Florianópolis, mormente a residente nos bairros situados na região, uma vez que o excesso de entulhos e detritos jogados nesses cursos dágua foi uma das causas para tornar caótica a situação decorrente das fortes chuvas que caíram sobre a Capital no início do mês. A medida não poderia deixar de ser adotada, embora sejam legítimas as preocupações da Fundação do Meio Ambiente (Fatma) e de outros órgãos com relação ao impacto ambiental que o manejo inadequado possa acarretar. É preciso agir com previdência, para que ações reparadoras não venham a agravar um quadro de degradação já preocupante. No entanto, o puro e simples imobilismo em nada contribui. O que não é apropriada é a lentidão excessiva na análise da situação. Os moradores desses locais precisam contar com os poderes públicos, pois do contrário estarão sujeitos às mais nefastas conseqüências sempre que uma chuva torrencial atingir suas regiões de moradia. Enfim, é preciso bom senso, sem o qual corre-se o risco de defender o meio ambiente às expensas da segurança da própria população.
Antonio Barbosa

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Todos juntos!!!

Prezados Cidadãos
A correspondência abaixo foi entregue hoje, dia 13/2, às 17 horas, com fotos e Abaixo Assinado com cerca de 900 assinaturas. Nossa meta de 3000 assinaturas até 20/2 é factível. Contamos com sua adesão

Florianópolis, 11 de fevereiro de 2008
Ilustríssimo Senhor Ildo Raimundo da Rosa
Secretário Municipal de Defesa do Cidadão
Rua Deodoro, 209 – Centro
88010-020 Florianópolis - SC

Senhor Secretário

Solicitamos ajuda de Vossa Excelência para minimizar problemas da enxurrada de 31 de janeiro e 1 de fevereiro.
Fatos
1. Dia 31/1, moradores de imóveis adjacentes ao Rio Thomé tentaram derrubar estacas de contenção de dunas e ponte de acesso do Jardim Gizelle à praia.
2. Dia 1/2, o volume de águas do Rio Thomé, nos limites do Praias Brancas Resort e Jardim Gizelle, derrubou as estacas que continham as dunas da Praia da Cachoeira do Bom Jesus.
3. Também, provocou uma abertura para o mar em local tradicionalmente usado para prática de futebol de areia e, em conseqüência, derrubou um poste de iluminação pública.
4. O fluxo de águas do Rio Thomé para Lagoa Ponta das Canas foi interrompido. Águas da Lagoa Ponta das Canas tem agora duas saídas para o mar: uma em frente à Rua Alcina Jannis e outra em frente à Rua Boa Ventura.
5. O represamento do Rio Thomé provocou inundação nos condomínios Vereda Tropical e Morro do Bom Jesus, bem como de casas construídas nas adjacências do rio.
6. A ponte que dava acesso à praia para usuários da Rua Boa Ventura perdeu a utilidade, não leva a lugar nenhum. A ponte junto ao Jardim Gizelle passou a ser a única opção de acesso à praia para moradores da Avenida Luiz Boiteux Piazza no trecho compreendido ente Praias Brancas Resort e Via Vêneto.
7. Construções irregulares diminuíram o leito do Rio Thomé. 8. Fotos contidas em http://gruponorteazul.blogspot.com e www.mirantesul.blogspot.com comprovam os fatos.
9. Poluição das águas dos balneários do norte da Ilha, pelos rios e riachos que por ocasião das grandes chuvas encheram e lançaram suas águas contaminadas no mar, comprometendo a saúde e o lazer de milhares de pessoas.Riscos de médio e longo prazo
a) Alagamento mais crítico dos imóveis próximos ao Rio Thomé no caso de novas enxurradas, devido ao aumento de entulhos e assoreamento do rio.
b) Queda acentuada de dunas, provocando desmoronamento de rancho de pescadores e queda de mais postes de iluminação pública.
c) Desmoronamento da ponte junto ao Jardim Gizelle.
d) Busca de soluções intempestivas e inconseqüentes por parte de moradores de regiões adjacentes ao Rio Thomé, quando ocorrerem novas enxurradas.
e) Redução do volume de águas da Lagoa Ponta das Canas.
f) Prejuízo ao comércio, indústria, hotelaria e serviços pela redução do fluxo de turistas
g) Sucateamento das lindas praias de águas límpidas da Ilha de Santa Catarina
Reivindicações
Recuperação da iluminação pública da Praia da Cachoeira do Bom Jesus à frente do Praias Brancas Resort e Jardim Gizelle pela Prefeitura Municipal de Florianópolis - Setor de Iluminação Pública - 08006456405.
Autorização da FLORAM para utilização de máquina para recuperação da contenção das dunas e vegetação nativa.
Limpeza de entulhos e desassoreamento do Rio Thomé, desde a Avenida Luiz Boiteux Piazza e a Lagoa Ponta das Canas, pela COMCAP.
Derrubada de construções irregulares junto ao Rio Thomé.
Implantação de uma rede pública de esgoto sanitário na Baía de Canasvieiras.
Face ao exposto, ratificamos solicitação de ações capazes de minimizar problemas decorrentes da enxurrada de 31 de janeiro e 1 de fevereiro.
Assinam
Ana Maria do Amaral Ferrari - Associação Jardim Gizelle
Áurea de Souza - Associação dos Moradores da Praia da Cachoeira do Bom Jesus
Antonio Barbosa - Canasvieiras em Ação
Cláudia Maria dos Santos Ferrari – Ação Social Nossa Senhora de Guadalupe
Luiz Kilian - Instituto Manguezal
Otávio Ferrari Filho – Projeto Norte Azul
Roque Rohden - Projeto Vizinhança Solidária

Comentário: Precisamos sempre do apoio de todos, moradores, visitantes e simpatizantes dos pleitos, que são justos e beneficiam a toda a orla. Participe das nossas reuniões e opine aqui.
Próxima reunião dia 20 de fevereiro, 19h30min, no Resort Praias Brancas.
Antonio Barbosa

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Imagens da Inundação




Algumas imagens da inundação em 31 de janeiro e 01 de fevereiro de 2008 continuam chegando. Estas são do Condomínio Morro do Bom Jesus.
Obrigado a Ricardo Nagel pelas fotos.

A temporada e o choro

12 de fevereiro de 2008
Da coluna de Cacau Menezes (Renê Müller - Interino)
Quem paga os preços da temporada?
Análises mais aprofundadas a respeito da temporada sempre entram na questão dos preços. Não é novidade que, cada vez mais, Florianópolis cria uma estrutura de lazer voltada para o alto poder aquisitivo. E quem não tem toda essa bala na agulha, a maioria dos locais e dos turistas do verão, passa por alguns tremendos apertos. A coluna já destacou que, em algumas praias, os bares têm cobrado pelas bebidas o quádruplo do que custam em uma loja de conveniência. Mas essa situação vai além, como estão relatando vários leitores. Um reclamou que, ao chegar, segunda-feira de Carnaval, à Lagoa da Conceição, passou por quatro diferentes lugares atrás de um quarto. Queria pernoitar por apenas uma noite. Todos os lugares, todos mesmo, tinham quartos disponíveis, mas obrigavam registro ou pelo menos três diárias com pagamento adiantado.Na última pousada, inclusive, a atendente aconselhou:- Pra ficar só uma noite, o senhor deve se dirigir a um hotel de rede, como o Íbis.No final, o leitor constata: como é que os empresários de turismo e hotelaria, que cobram R$ 180 a diária de um quarto numa pousada, sem café da manhã, sem cabo, sem ar-condicionado e exigem a permanência (ou o pagamento) de no mínimo três dias, vão reclamar do movimento da temporada?

Relatório FATMA de 11 fev

Cai o número de praias impróprias para banho
O 11º relatório de balneabilidade divulgado pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma) nesta segunda-feira (11) mostra 53 pontos impróprios para banho em todo o litoral catarinense.

Veja aqui o relatório de 11 de fevereiro de 2008.

Antonio Barbosa

POSTE


E aquele poste de luz, na saída do Jardim Gizelle, que desde as chuvas de 31 de janeiro ficou "perigando" cair, hem? Será que os responsáveis farão algo a respeito? Pedidos não faltaram para providências, junto aos órgãos competentes.
Antonio Barbosa

AUDIÊNCIA PÚBLICA CELESC - 12 FEV

AUDIÊNCIA - A Celesc realiza hoje, às 19h, no centro de convenções da Associação Catarinense de Medicina, audiência pública para a apresentação do Relatório de Impacto Ambiental da ampliação da linha de transmissão de 138 KV da subestação Trindade até a subestação Ilha Norte.
Fonte: Coluna Estela Bennetti - DC 12fev08

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

A chuva e as consequências


31 de janeiro de 2008, 21h30min. Uma lâmina de água de mais trinta cm de altura cobre toda a extensão da Rua Boa Ventura, na Cachoeira do Bom Jesus. Na foto, Ildo Boaventura da Silva, morador, clicado enquanto verificava as condições do local. Somado à preocupação da água entrar nas casas, há os problemas de possíveis doenças oriundas da água suja ou contaminada, o vazamento dos esgotos e a mudança do curso do Rio Thomé, que alterou toda a paisagem do trecho entre o Jardim Gizelle e a Rua Boa Ventura. Muito trabalho pela frente e muita união será necessária.
Antonio Barbosa

VEJA AGORA o Relatório FATMA de 01 de fevereiro de 2008

Fatma divulga 10º relatório de balneabilidade


Estado - 01/02 - 16h41min
O 10º relatório de balneabilidade divulgado pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma) nesta sexta-feira (01) mostra 61 pontos impróprios para banho em todo o litoral catarinense.
Esse número representa um pequeno acréscimo em relação a última semana, quando haviam 57 pontos impróprios. Dos 61 pontos impróprios, 18 estão na Grande Florianópolis. Ao todo são analisados de182 pontos dos 500 quilômetros da costa catarinense
De acordo com o responsável pelo laboratório da Fatma, esse acréscimo ocorreu em função das fortes chuvas que caíram durante a semana em todo o litoral do Estado. “Quando temos chuvas fortes é normal que aumento onúmero de pontos impróprios, porque a enxurrada acaba levando para o mar as impurezas”, explica.

Fonte:
http://correiodailha.com.br/portal/vernoticia.php?idnoticia=001690


Veja aqui o 10º relatório e saiba quais os pontos impróprios.

Antonio Barbosa

Praia da Cachoeira desfigurada 3






Fotos de 31 de janeiro e 1 de fevereiro de 2008.

O trecho do Rio Thomé, junto a Praia da Cachoeira, que abastece à Lagoa Ponta das Canas está assoreado e obstruído por pontes de concreto. São causas do represamento do Rio, provocando uma nova abertura para o mar


.